Por Allexandre Coutto, adestrador e franqueado da Cão Cidadão

Comandos são a melhor forma de estabelecer uma comunicação direta entre o tutor e o seu cão, além de proporcionar um exercício metal e uma atividade física para ele.

Os mais conhecidos, mesmo para quem não tem pet, são os comandos “Senta” e “Deita”.

Esses comandos, além de serem bonitinhos e engraçadinhos, são bastante úteis para estabelecer uma disciplina mínima para o cãozinho e, com isso, facilitar o convívio dele com os outros membros da família.

Vejamos um exemplo claro disso: quando estiver passeando com seu pet, ao atravessar a rua, peça o comando “Senta”, depois o “Fica” e aguarde a sinaleira abrir. Só depois dê um “Ok” e atravesse com ele.

O cão vai aprender a esperar e isso poderá evitar um acidente. Outro uso útil para os comandos acontece quando você vai receber visita em casa.

Ao chegar a visita, antes de abrir a porta, você pede um “Senta”, um “Deita” e, depois, um “Fica” para que, quando abrir a porta, a visita possa entrar com tranquilidade e o seu cão se mantenha mais calmo e menos ansioso.

Treinamento

O comando “Senta” é o mais simples de ser ensinado e o mais útil. A melhor maneira é utilizar um petisco para induzir o movimento. Assim, fazemos com que o cão aprenda de uma forma positiva e sem traumas.

Para ensiná-lo, segure um petisco próximo ao focinho do seu cachorro e faça um movimento levando a mão para a parte traseira do animal, como se estivesse subindo uma ladeira.

Ele tentará olhar para a sua mão, seguindo o petisco, e irá sentar para ficar em uma posição melhor.

O importante nessa trajetória é manter o petisco como se fosse um imã grudado no focinho dele.

Assim que ele sentar, entregue a recompensa.

Repita o movimento algumas vezes, e, quando o cachorro estiver sentando mais rápido, diga a palavra “Senta”, assim ele aprenderá o comando gestual e verbal.

Após ele aprender este comando é hora de ensinar o “Deita”.

Para realizarmos o comando, o cão precisa estar sentado. Feito isso, segure um petisco na mão, coloque em frente ao focinho dele e, devagar, abaixe a mão até o chão.

Lembre-se de que o petisco deve estar sempre grudado com o focinho.

O cachorro irá seguir o petisco e, assim que ele abaixar as patinhas da frente e encostar no chão, entregue a recompensa. Repita algumas vezes.

Quando ele estiver repetindo o movimento com mais frequência fale a palavra “Deita”.

Pronto! Agora só é treinar e se divertir com seu cão.

E se ficou curioso para saber como realizar o comando “Fica”, no próximo artigo aprenderemos o passo a passo deste comando.

LEIA TAMBÉM

Como lidar com a ansiedade de separação?